Pasta dental sólida caseira e natural de gengibre

Olá pessoal! Hoje trago para vocês uma receita de pasta dental sólida caseira e natural de gengibre, com propriedades anti-inflamatórias ideais para tratar e prevenir problemas de gengiva, além disso, em formato individual.

A pasta dental sólida é uma alternativa ecológica e natural aos dentífricos tradicionais, porque ademais de prescindir de embalagem plástica também evitamos ingredientes malvistos e suspeitosos presentes nas marcas de toda a vida de pasta dentífrica. Mas sem dúvida o maior atrativo desse tipo de produto é sua forma sólida, já que a demanda por produtos sem embalagem plástica cada dia é maior.

Ingredientes e propriedades da pasta dental sólida de gengibre

A pasta dental sólida de gengibre é principalmente composta por ingredientes em pó, denominados também como abrasivos, que são ingredientes sólidos presentes em qualquer dentífrico cuja função é polir e arrastar os restos de alimentos entre os dentes.

Carbonato de cálcio, um abrasivo natural bastante comum em produtos de higiene dental, atua contra a placa bacteriana sem danificar o esmalte dos dentes, ademais de ajudar na remineralização.

Argila branca, ideal para uma limpeza natural ademais de ser um abrasivo suave que também ajuda a branquear os dentes.

Bicarbonato de sódio, seu pH alcalino neutraliza os ácidos responsáveis pelo crescimento bacteriano, limpa e branqueia os dentes. Mas apesar de sua má fama de abrasivo forte, seu índice de abrasividade é de 7/100, menor que muitos dos dentífricos tradicionais.

Gengibre em pó, possui propriedades anti-inflamatórias que ajudam a prevenir doença periodontal, além disso, atua contra o mau hálito e fortalece a gengiva e o dente.

Sorbitol, é um edulcorante e umectante, que diferente do açúcar não provoca cáries e sua função principal é adoçar a pasta dental.

SCI, tensoativo de origem vegetal derivado dos ácidos graxos do coco, sua função principal na fórmula é promover espuma e limpeza.

Hidrolato de hamamélis reduz a inflamação na gengiva, ademais de diminuir o sangrado. Também alivia a dor causada pelo nascimento do ciso e da primeira dentição. Essa pasta não é recomendada para menores, porém, o hidrolato de hamamélis é um ingrediente seguro para bebês e crianças.

Para completar a receita temos os óleos essenciais de menta arvensis e gengibre, ambos possuem propriedades anti-inflamatórias e bacterianas ademais de combater o mau hálito.

Pasta dental sólida de gengibre
Pasta dental sólida de gengibre

RECEITA

Pasta de dental sólida de gengibre

INGREDIENTES

  • 20 g carbonato de cálcio
  • 11 g argila branca
  • 5 g sorbitol
  • 3 g bicarbonato de sódio
  • 3 g gengibre em pó
  • 2 g tensoativo sci
  • 5 g hidrolato de hamamélis
  • 20 gotas de óleo essencial de menta e 5 gotas de gengibre

NOTA

Modo de uso: mastiga a pastilha sem engolir e escova os dentes.

  • Uso recomendado 2–3 vezes na semana.
  • O sorbitol pode ser substituído por stevia ou xilitol.
  • Não recomendo o uso de outra argila que não seja a branca.
  • Prepare a argila levando-a ao forno em temperatura baixa entre 10–15 min.
  • Cada pastilha pesa 0,9 g.

Espero que tenha gostado! Obrigada pela visita e até a próxima receita! ❤️🍃

Este post tem 13 comentários

  1. Chachaandrade

    Oi Jana!
    O Sorbitol é em pó? Posso substituir pelo Xylitol?
    Eu assisti o vídeo de um produto similar da Lush e me pareceu que o Sorbitol era líquido.
    Gratidão pela receita, fiz essa semana uma similar mas levava muito mais SCI e achei o sensorial estranho, não fiquei satisteita. Vou testar com essas suas proporções!

    1. Jana Leal

      Oi Charlene, nessa receita sim é em pó, mas pode substituir como coloquei em Nota, por xilitol ou stevia. Então, eu também acho estranho muito tensoativo, essa faz bastante espuma, porém, o sensorial é bem agradável na boca.

  2. AmparoLosana

    Eu não gostei do sabor do tensioactivo, é muito amargo, e fiquei com a sensação que enguli algum… não se poderia anular/substituir? Se se faz só com óleo de coco, poderia se adicionar ácido esteárico para endurecer, por exemplo?

    1. Jana Leal

      Oi Amparo, você fez essa receita? Cada fórmula é pensada para se obter um resultado em concreto, modificações ou substituições só recomendo com ingredientes similares. Mas tenho outra com óleo de coco e ácido esteárico se essa não te agrada.

    1. Jana Leal

      Hola Debkay, sí es correcto, al ser un producto sólido concentrado que se mastica, no se recomienda un uso diario.

  3. Elisa

    Adorei essa receita Jana! Vou fazer e depois eu te conto. Eu só não tenho o hidrolato, aliás, não tenho nenhum hidrolato. Posso substituir por algo? Posso usar água destilada com algum óleo esssencial? Ou fazer um chá de hamamélis?

    1. Jana Leal

      Oi Elisa, pode substituir o hidrolato pelo chá, sem problema, use água destilada.

  4. Shisha

    Hola. Soy nuevo aquí. Porque recomiendas su uso solo dos o tres veces a la semana?

  5. Nem

    Olá Jana muito boa tarde, queria saber se posso fazer o dobro da receita sem que ela estrague… pode me dizer o tempo de validade para estas pastilhas como não levam nenhum conservante e têm hidrolato fico na duvida… obrigada 🙂

    1. Oi Nem, a quantidade de líquido presente não é suficiente para que cresça nada nele. Como muito devido a umidade do ambiente ele pode esfarelar com o tempo. Pra saber a validade, faça a receita e observe as características organoléticas.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.