Como Fazer — Shampoo sólido de shikakaï, amla e urtiga

Olá pessoal!

A receita de hoje é um shampoo sólido com ervas ‘ayurvédicas’ shikakaï, amla e urtiga.

Também vou fazer uma pequena introdução sobre como elaborar shampoos sólidos.

Em primeiro lugar, para fazer um shampoo sólido é necessário usar tensoativos sólidos (em pó ou escamas), tanto faz formular o shampoo com apenas um tensoativo ou uma combinação de diferentes tensoativos.

O que é um tensoativo?

Um tensioativo é uma substância que modifica a tensão superficial entre dois líquidos imiscíveis, sendo composto de uma parte polar (hidrofílica) e uma parte apolar (hidrofóbica).

A escolha do tensioativo para o shampoo sólido, depende das características químicas e do tipo de produto que queremos elaborar, por exemplo:

SCI (INCI: Sodium Cocoyl Isethionate) é um tensioativo aniônico suave e delicado, sintético de origem vegetal derivado os ácidos graxos do óleo de coco. Ecológico e biodegradável. Se usa como tensoativo secundário ou principal na elaboração de shampoos e outros produtos de banho.

  • 1% a 20% como co-tensoativo
  • 30% a 60% como agente tensoativo principal

SCS (INCI: Sodium Coco Sulfate) tensoativo aniônico, não indicado para produtos infantis e pele sensível. Tensoativo sintético de origem vegetal derivado dos ácidos graxos do óleo de coco. Ecológico biodegradável. Se usa como tensioativo secundário ou principal.

  • 1% a 90% dependendo do produto a elaborar

SLSA (INCI: Sodium Lauryl Sulfoacetate) tensoativo aniônico, não confundir com o Sodium Laureth Sulfate, de origem vegetal, suave e delicado. Funciona como agente espumante e tensoativo secundário, se usa em produtos faciais para peles sensíveis e todo tipo de pele. Ecológico e biodegradável.

  • Shampoo 1–3%,
  • Gel de banho até 10%,
  • Bombas de banho 10–15%

Fórmula base orientativa de um shampoo sólido

  • Ingredientes secos (tensoativos e outros) 60 – 80%
  • Fase oleosa 10 – 15%
  • Fase aquosa 10 – 15%

Shampoo sólido de ervas shikakaï, amla e urtiga

shampoo sólido shikakaï amla e urtiga
Como fazer shampoo sólido shikakaï amla e urtiga

A base do shampoo sólido (Shikakaï, amla e urtiga) é o tensoativo ou tensoativos, que ademais de limpar devem proporcionar suavidade, brilho e condicionamento para desembaraçar o cabelo. Mas para isso também vamos usar óleos, manteigas, extratos, além de óleos essenciais, plantas e outros ativos indicados para o tipo de cabelo e produto, por exemplo:

Óleos e mantengas

  • Cabelo seco: abacate, argão, rícino, coco, manteiga de karité…
  • Oleoso: jojoba, argão, avelã, girassol…  
  • Caspa: neem, coco, oliva, gergelim…
  • Queda capilar: oliva, rícino, jojoba, mostarda, neem…

Extratos e plantas Alecrim

  • Cabelo seco: aveia, malva, alecrim, sálvia, amla, shikakaï, feno-grego.
  • Oleoso: Chá-verde, alecrim, sálvia, urtica, hibisco

Óleos essenciais 

  • Cabelo seco: lavanda, amaro, gerânio.
  • Oleoso: limão, menta, bergamota.
  • Caspa: alecrim, sálvia, melaleuca. 
  • Queda capilar: limão, alecrim, sálvia.

Outros ingredientes que podemos acrescentar para melhorar as propriedades do shampoo: argilas, mel, proteínas de seda, ceramidas, óxidos, hidrolatos, pantenol, etc.

O shampoo de shikakaï, amla e urtiga estimula o crescimento ademais de fortalecer e combater a queda de cabelo.
🍃RECEITA
🍃Shampoo sólido shikakaï, amla e urtiga
FINGREDIENTES
A33 g tensoativo sci
A10 g tensoativo slsa
B13,30 g pó de shikakaï
B2 g pó de amla
B1 g de kapoor Kachli
C10 g água
D10 g (manteiga) de karité
D25 gotas, óleo essencial de alecrim
D12 gotas, óleo essencial de laranja

Modo de preparo:

  1. Leva a fase A e C ao banho-maria, com ajuda de um morteiro mistura os ingredientes até formar uma pasta homogênea e pegajosa. 
  2. Acrescenta os ingredientes da fase (B) à fase A+C e mistura até homogeneizar.
  3. Adiciona os ingredientes da fase (D) começando pela manteiga previamente derretida ou não. Retira do banho-maria e com ajuda das mãos, modela a massa.E por último coloque os óleos essenciais.
  4. Enforma antes da massa endurecer.
  5. Coloca na geladeira durante 15–20 minutos antes de desenformar. Deixe secando durante 48h.

Nota

  • Importante que a temperatura do banho-maria não supere os, 40 °C.
  • Validade de 6 meses.
  • Todas as porcentagens da fórmula base podem variar, apenas se trata de uma quantidade orientativa.
  • Para baixar o pH, use ácido cítrico ou ácido láctico.
  • Precauções: usar máscara, luvas e óculos para manipular os tensioativos.

Este post tem 0 comentários

  1. Ola. Estou so com uma duvida. Falou em acido citrico para baixar o ph. Que quantidade deverá ser usada para a quantidade de agua que referiu? Mt obrigada <3

    1. Na minha fórmula não é necessário, já que o ph fica dentro do recomendado. Em outras é questão de provar. Também depende da escolha dos tensoativos e dos ingredientes a utilizar.

  2. Oi Jana, onde você compra os tensoativos, especialmente o SCI? Obrigada.

  3. Olá Jana. Você mora na Espanha ou eles entregam no Brasil? Obrigada!

    1. Oi Miriam, moro na Espanha, mas a loja onde comprei as ervas entrega no Brasil. O nome da loja é Aroma-zone. De todas formas, entra no meu grupo do Facebook Cosmética Natural Handmade Brasil, lá tem meninas que já fizeram esta receita e podem te indicar fornecedores no Brasil.

  4. Bom dia!
    Gostaria de saber onde comprar Sodium Lauryl Sulfoacetate no Brasil. Você saberia me informar?
    E também se possível informar o percentual máximo recomendado na fórmula. Grata.

    1. Jana Leal

      Oi Cristina, infelizmente não tenho como responder sua dúvida. Não moro no Brasil. Te convido a participar do grupo Cosmética Natural Handmade Brasil, lá estou segura de que algum membro poderá te ajudar nessa questão.

  5. Jane, uma duvida: até adicionar a Fase D, a pasta que vai formar o shampoo solido fica sempre em banho maria?

  6. oi Jana, você já conhece pós aromáticos para usar no lugar dos óleos essenciais na fórmula do shampoo?

    1. Jana Leal

      Oi Gisele, como aconteceu isso? Você pode usar assim e corrigir na próxima receita, ou desfazer o shampoo no banho maria e adicionar bicarbonato.

  7. Olá Jana, gostei muito da sua receita. Fiz em casa e deu super certo no meu cabelo, só troquei as ervas pelas que eu tinha em casa. A dúvida que surgiu é, para garantir a durabilidade do shampoo dentro desses 6 meses, preciso esterilizar as ervas? Obrigada!

    1. Jana Leal

      Oi Araceli. A validade é maior de 6 meses. Quando colocamos ervas com o tempo ela se oxida. Mas isso é normal. Não tem como esterilizar as ervas.

  8. Caso seja necessário o ajuste do pH em que momento é feito? e como eu vou saber se precisa?
    Obrigada

    1. Jana Leal

      Oi Steffany. O sci possui um ph ácido, usando somente ele não é necessário ajustar o ph. Já outros tensoativos são de ph básico, sendo necessário um ajuste de ph.

  9. Olá, tudo bem Jana. Minha dúvida é: as ervas precisam ser moídas (em pó) ou posso usar elas em folhas? Obrigada!

    1. Jana Leal

      Oi! Carolina. Melhor moídas, mas que nada pelo sensorial esfoliante. Sendo que também pode ser bastante desagradável retirar pedaços de planta do cabelo. Agora se você não se importa de lavar o cabelo dessa forma, sem problema.

    1. Jana Leal

      Oi Cris, um condicionador ou shampoo? É possível fazer um 2×1. Mas não entendi muito bem o que você quer exatamente. Quanto ao sci, ultimamente não tenho comprado, já que o preço está disparado. E para mim o scs tem sido muito melhor, até mesmo para formular.

  10. O tensoativo entra na fase oleosa, líquida ou seca? Ou sua porcentagem é do total que depois é adicionado às porcentagens dos outros ingredientes?

  11. Boa noite Jana, digo vc no YouTube e agora aqui, amo suas explicações e tentarei fazer as receitas, gostaria de saber aonde encontrar o shikakaï , e o kapoor kachli, muito obrigada e Deus abençoe.

    1. Jana Leal

      Oi Rosana, você já deu uma olhadinha no Mercado Livre? Não tenho como te indicar um local específico, porque não moro no Brasil, mas no Mercado Livre se encontra muitos insumos.

Deixe uma resposta

Fechar Menu