Receita Condicionador Co-wash

Depois de meses sem elaborar nenhum condicionador para o cabelo e só utilizando shampoos e óleos, esta semana elaborei um condicionador co-wash, já faz tempo que comprei Stearamidopropyl Dimethylamine e queria fazer uma elaboração conjunta com o BTMS.

Para quem não conhece, o nome pode soar a grego, mas são apenas emulsionantes catiônicos utilizados como suavizantes e condicionadores do cabelo. São considerados dentro da cosmética verde por serem sintéticos seguros, ou seja, não apresentam riscos à saúde e procedem de matérias-primas naturais.

Emulsionantes catiônicos

Os emulsionantes (tensioativos) catiônicos possuem uma parte hidrofílica positiva, são emulsionantes e estabilizadores de emulsão. Ajudam com o frizz e o encrespamento do cabelo reduzindo a carga eletrostática negativa dos fios, aportam brilho e suavidade. Mas informações sobre os catiônicos com o tio Google. Ele é um ótimo professor e nos salva de qualquer dúvida.

INCI: Stearamidopropyl dimethylamine é um co-emulsionante, que se utiliza em condicionadores, shampoos, cremes ou como estabilizador e suavizante de cremes e loções faciais. É necessário neutralizar com um ácido orgânico na água para que atue como um tensioativo catiônico, adicionando na fase aquosa 0,27 g de ácido láctico ou ácido cítrico por cada 1 g de stearamidopropyl dimethylamine. Que pode perfeitamente ir à fase aquosa ou oleosa da emulsão. Em shampoos se recomenda um 0,3% de ácido láctico por cada 1 g de condicionador na fase aquosa.

BTMS — INC: Cetearyl Alcohol and Behentrimonium Methosulfate é um tensioativo primário suave e não etoxilado. Uma cera auto emulsionante adequada para elaboração de produtos de cuidado capilar. Desembaraça deixando o cabelo suave e sedoso, aporta brilho e reduz o efeito estático durante o peinado. Não requer acidificação sendo incompatível com tensioativos aniônicos fortes.

O condicionador para cabelo seco, crespo e cacheado. Como tensioativo de lavado, utilizei o coco glucoside: tensioativo não iônico, derivado de álcoois graxos, açúcar de frutas e glicose de milho. Biodegradável, suave e com boa capacidade de limpeza para pele e o cabelo. Mas é possível utilizar outro tensioativo não iônico ou anfótero.

RECEITA

Condicionador co-wash

Fase A
30,22 g água deionizada
1 g glicerina vegetal
0,68 g ácido láctico
Fase B
5 g cera btms
1,5 g stearamidopropyl dimethylamine
5 g óleo de coco
2,5 g óleo de rícino
2,5 g óleo de abacate
Fase C
5 g coco glucosídeo
Fase D
0,6 g conservante
1 g proteína de seda
Modo de preparo
  • Leve ao banho maria a fase A + B em diferentes recipientes até alcançar a temperatura de 70.º.
  • Retire do banho maria, e pouco a pouco adicione a fase B na fase A agitando de forma manual. Depois utilize uma batedeira durante 3 min.
  • Uma vez formada a emulsão coloque o recipiente em água fria e continue batendo de forma manual até esfriar durante outros 3 min.
  • Adicione a fase C bem devagar, para não espumar. E depois a fase D.
  • Meça o pH, e use ácido láctico se for necessário para corrigir.
  • O pH deve estar em torno a 5-5,5.

Nota

  • Qualquer modificação na fórmula, deve acompanhar a compatibilidade dos ingredientes.
  • Utilizei o extrato conservador de semente de pomelo.
  • O resultado para meu cabelo foi ótimo, desembaraçou bem e meus cachos ficaram até definidos.
  • Esta receita pode ser modificada e melhorada à qualquer momento.
  • Receita caseira.
  • Havia uma errata nesta receita relacionada a quantidade de água.

🌿Qualquer mudança organoléptica, ou seja, odor, cor ou aspecto físico de um produto cosmético, o mais indicado é suspender o uso.

🌿Não tenho como determinar a validade dos produtos elaborados com água sem um teste microbiológico, e não me responsabilizo por elaborações feitas por terceiros, já que ademais do conservante, a manipulação e o armazenamento do produto influi no seu estado de conservação.

Se gostou, compartilha esta receita com seus amigos. Colabore para o crescimento do blog e da nossa comunidade, assim poderei continuar a trazer novas receitas, dicas e informação sobre cosmética natural.

Anúncios

19 respostas para “Receita Condicionador Co-wash”

  1. Olá querida! Tenho feito formulações de condicionador, usando como aditivo e emulsionte, apenas o (Cetearyl Alcohol and Behentrimonium Methosulfate), mais o – D-Pantenol Quaternizado, e tem dado bons resultados de maciez e brilho. O que você acha desses ativos?

    1. Olá!! Nunca utilizei o D-Pantenol Quaternizado, não tenho como opinar com propriedade, mas imagino que deve ser tão bom quanto o outro. O importante é você sentir que o produto funciona para o seu cabelo. Obrigada ❤️

  2. Porque você não fez só com tensoativos catiônicos já que é um condicionador? Coco glucosídeo não tem finalidade nesta fórmula. Condicionador é catiônico

      1. Achei o BTMS, vou olhar os outros tbm. Obrigada!
        Vc tem receitas de condicionador liquido sem ser co-wash?

    1. Míriam você pode usar outro conservante sem problema. É até melhor, com mais tempo de conservação. Porque o extrato de pomelo não é um conservante ao uso, e a durabilidade dele é curta.

  3. Ola td bem flor? O Btms encontro sem problemas aqui no Brasil, mas o Tego Amid s18 não consigo encontrar em nenhuma loja, vc conhece alguma loja que encontro? Gata

    1. Oi Lauanda. Procura pelo INCI stearamidopropyl dimethylamine. Ou substitui pelo behenamidopropyl dimethylamine. Tego amid s18 é nome que coloca o fabricante, e cada fabricante nombra de forma diferente. Mas pelo INCI não tem erro, no Brasil pelo que sei ele é vendido com Armocare.

Deixe uma resposta